segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Flores em Tecido - Arte Fácil Parte 1/2

Flores em Tecido - Arte Fácil Parte 2/2

Tutorial Artesanato - Flor de Tecido

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Bandeja de Mosaico


MATERIAL:
- bandeja de madeira

- Tinta acrílica para artesanato
- Lixa nº150
- Pincel n.18
- Pincel n. 2
- Torquês para mosaico
- Óculos de proteção
- Pinça
- Cola branca
- Pastilhas de vidro
- Rejunte
- Esponja macia
- Espátula de plástico
- Lápis de cor
MODO DE FAZER:
1. Pintar a bandeja, deixe secar por no mínimo 6 horas (fundo);

2. Escolha um motivo e transfira-o para a bandeja;
3. Utilizando o lápis de cor, dê "vida" ao desenho já transferido para a bandeja pintando-o;
Importante! Utilize sempre óculos de proteção.
4. Corte as pastilhas nos tamanhos e formatos desejados, utilizando a torquês para mosaico;
5. Espalhe uma camada fina de forma uniforme a cola na peça de madeira;
Obs: Caso a bandeja não esteja pintada, "sele" a madeira utilizando a cola. Assim a peça ficará mais resistente.
6. Cole com a cola as pastilhas na superfície começando pelo desenho principal (obedecendo a posição do desenho e de encaixe);
7. Após finalizado o desenho principal, faça uma moldura em torno da bandeja (parte mais externa);
8. Agora comece a completar todo o resto da bandeja;
9. Após a secagem das pastilhas (2 horas), aplique o rejunte em toda a superfície a ser rejuntada;
10. Utilizando uma espátula, espalhe uniformemente o rejunte aplicado na peça;
11. Logo depois, utilizando uma esponja umida, retire o excesso de rejunte que ficou em cima da peça, não deixando o rejunte secar;
12. Pronto! Você acabou de criar, com suas próprias mãos, uma linda peça decorativa e utilitária;
Marcella Muñoz - mosaicista
site: http://www.oficinapedacinhosdearte.arq.br/

Vaso revestido com cerâmica plástica em formato de girassol


MATERIAL:
FLOR GIRASSOL

- vidro ou lajota lisa (para servir de base para o trabalho);
- lâmina ou estilete;
- rolo de plástico;
- pano e álcool para limpeza;
- luva cirúrgica;
- ½ tablete de cerâmica plástica amarela
- ½ tablete de cerâmica plástica bege ou pele
- ½ tablete de cerâmica plástica marrom
- 1 tablete de cerâmica plástica verde
- Peça para aplicação
MODO DE FAZER:
MIOLO DO GIRASSOL

Amassar a massa bege e formar um croquete
Amassar o marrom igual ao bege e abrir um retângulo com o rolo do tamanho suficiente para encapar o rolo bege, fechando as pontas.
Aumentar este rolo na mão, com movimentos de apertar com os dedos na palma da mão e girar, fazendo aperta e gira. Alisar no vidro para tirar as marcas da mão até ficar com 24cm de comprimento.
Cortar em 6 pedaços de 4cm de comprimento.
Montar uma florzinha com os 6 pedaços.
Diminuir na mão para atingir novamente os 24cm de comprimento (mesmo processo acima). Cortar novamente em 6 pedaços de 4 cm.
Formar outra florzinha. Diminuir novamente na mão o suficiente para chegar no tamanho do miolo de uma flor. Não afinar muito porque ainda não sabemos o diâmetro necessário. Reservar.
PÉTALAS
Limpe muito bem a mão, a base do trabalho e a lâmina, pois iremos trabalhar com o amarelo, cor clara.
Amassie o amarelo, fazendo um “croquete”.
Abra novamente um retângulo cor marrom do tamanho suficiente para encapar o rolo amarelo. Acerte uma extremidade do retângulo com a lâmina e afine com as pontas dos dedos para fazer o “risquinho” de dentro das pétalas.
Corte o rolo amarelo ao meio até mais ou menos a metade. Abra com a lâmina um pouquinho , o suficiente para colocar o marrom dentro da abertura. Feche, corte os excessos de marrom e encape o rolo amarelo com a massa marrom.
Afine na mão, coloque na base para tirar as marcas de mão até ficar com 20cm de comprimento. Cortar em 8 partes de 2,5 cm cada.
Verificar se os risquinhos estão alinhados.
Com a ponta dos dedos dar um formato de losango, de forme que o risco fique reto com uma das pontas, como uma pétala (não é força, é jeito e delicadeza).
Alinhe as pétalas para formar a flor. Os riscos devem estar voltados para o miolo.
Agora afine o miolo o suficiente para encaixar entre as pétalas.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Boneca Peso de Porta


MATERIAL:
- 20cm de tecido estampado (para o vestido)

- 20cm de tecido numa cor contrastando com a anterior (para o casaco)
- 25cm de tecido de piquê cor combinando com a roupa (para a calçola)
- 25cm de tecido de algodão cru (para o corpo)
- 40cm de tecido listado combinando com as roupas (para as pernas)
- 10cm de malha canelada branca (para as meias)
- 10cm de feltro na cor que combine com a roupa (para os sapatos)
- Caneta permanente preta e marrom
- Linha de costura nº 10
- Linha de bordar
- 1,50m de viés fino
- 30cm de renda
- Palito de churrasco ou hashi
- Pistola de cola quente
- Tinta de tecido branca ou corretivo de papel
- Cestinha de palha ou vime
- Lã pérola
- Espuma siliconada
- areia
- Blush
- Botões
- Lápis
- Tesoura
- Molde
- Máquina de costura
- Agulha
- linha
MODO DE FAZER:
Risque o molde das partes do corpo no algodão cru, corpo, braços.

Para o Fundo do corpo passe o molde 2x no tecido.
Para as pernas, dobre o tecido listrado ao meio e transfira o molde duas vezes.
No feltro, transfira cada parte do sapato duas vezes, de acordo com o molde.
Depois de recortar as partes do corpo, deixando sobra de 0,5cm, junte as partes, direito com direito e costure toda a volta.
Depois alfinete e costure o fundo do corpo para fechá-lo.
Faça um picote no centro do corpo e por esta abertura desvire a peça. Ajeite as costuras com o palito e passe o ferro.
Coloque, aproximadamente 100g de areia dentro do saquinho de plástico, pela abertura deixada no corpo da boneca insira o saquinho de areia prestando atenção para deixar o saquinho bem fechado.
Complete a boneca com a espuma siliconada, deixando a estrutura bem firme.
Corte um retângulo do tecido de algodão cru e use a cola quente para fechar a abertura.
Depois de recortar e costurar os braços sobre o risco, picote cantos e curvas para desvirar o braço.
Coloque o palito na ponta costurada e desvire o braço, puxando o tecido para fora.
Preencha os braços com a espuma siliconada. Para ficar bem firme, vá empurrando com o palito e colocando mais plumante.
Com a linha nº 10 prenda os braços nas laterais do corpo com pequenos pontos à mão.
Depois de passar a costura na lateral aberta das pernas, centralize esta costura e passe a ferro para vincar.
Preencha as pernas com a espuma siliconada e deixe a ponta com sobra de 5cm. Feche-a usando pontos invisiveis ou à máquina
Para as meias, corte a malha duas vezes com 12cmx12cm. dobre ao meio e costure.
Depois, desvire a meia até a metade.
Para moldar o sapato, pegue a peça maior e dobre-a ao meio, unindo as partes retas. passe a costura.
Em seguida, costure e vire o sapato para o lado direito.
Na parte inferior, alfinete a peça menor (ovalada) para formar o sapato.
Depois de preender os sapato com a espuma siliconada, dobre a borda da abertura para dentro e alinhave toda a volta, como se fosse um fuxico.
Vista a meia nas pernas e insira-as em cada sapato.
Puxe bem a linha e arremate com pequenos pontos.
Para fazer o cadarço, use o barbante ou outra linha contrastante. Passe a agulha de trás para frente e faça dois pontos em cruz. Deixe sobra de linha para formar o laço.
Deixe o corpo de cabeça para baixo e use a cola quente para colar as pernas, pelo lado das sobra, dando movimento à boneca.
De acordo com o molde, corte o piquê para fazer a calça e costure a renda no lado inferior.
No centro da peça, faça uma marca com 9cm de altura e corte para formar as entrepernas.
Costure cada lado cortado e faça dois cortes na ponta em diagonal.
Vista a calça e alinhave a cintura e pernas com a linha de bordar. Deixe uma sobra para amarrar o laço.
Para a saia do vestido, corte o tecido estampado em dois pedaços de 35x12cm.
No mesmo tecido, transfira duas vezes cada molde das mangas e corpo do vestido.
Dobre as bordas dos dois retângulos para dentro e costure para dar acabamento.
Alinhave a parte superior e puxe a linha para franzir. Faça o mesmo com o outro retângulo.
Ao puxar a linha, faça o franzido ficar no mesmo tamanho que a lateral maior do corpo do vestido.
Em seguida, alfinete o lado direito do corpo do vestido com a saia franzida e passe a costura.
Faça o mesmo com o outro retângulo e corpo do vestido. Alfinete a lateral da manga na lateral do corpo do vestido.
Dobre ao meio, de cima pra baixo e costure toda a volta da lateral. Desvire e passe a ferro.
Ainda com o mesmo tecido, transfira o molde da gola duas vezes. No tecido lilás, transfira as partes do casaco, de acordo com o molde.
Una as mangas na parte superior dos ombros e costure toda a volta.
Prenda o viés em cada lateral da manga, usando o ponto zigue-zague da maquina de costura.
Vire a blusa para o direito e costure o viés na abertura e parte inferior.
Costure as partes da gola, avesso com avesso. Depois costure o viés na parte curva.
Alfinete a gola ao redor do casaco e passe a costura.
Passe a linha de bordar nas casas dos botões e cole-os no casaco com a cola quente. Em seguida, vista o vestido e o casaco.
Para os cabelos, enrole a lã 12 vezes em dois dedos.
Retire o rolo do dedo e amarre o centro com a própria lã.
Puxa as pontas do cacho para colá-lo pelo centro. Depois, preencha a parte de trás da cabeça. Use pouca cola para não ficar aparente.
Depois de colar os cachos, rasgue uma tira de tecido e amarre-o na cabeça com um laço.
Para o rostinho, pinte os olhos com a caneta permanente, passe blush nas bochechas para iluminar passe a tinta branca de tecido usando um palito fazendo como se fosse um pingo para iluminar os olhos também.
Cristiane Marques - artesã

Baú com Falso Couro

MATERIAL:
- 1 peça em MDF

- Lixa para madeira nº 220
- Coador de café (usado sem lavar e sem pó)
- Cola Branca
- Pincel 815, nº 18
- Pincel chanfrado 427, nº 16
- Tesoura
- Estilete
- Tinta látex PVA fosca chocolate e marrom
- Tinta acrílica fosca branca
- Caneta marcador permanente preta
- Palito de manicure com ponta de metal
- Termolina leitosa
- Verniz acrílico ou spray brilhante
- Pano macio (malha de camiseta)
- Papel toalha
- Fita crepe
- Rolinho de espuma
- Vasilhame para água
- Papel cartão ou papelão fino
- Fecho
- Bandeja de isopor
- Alça metálica (opcional)
- Tachões (opcional)
MODO DE FAZER:
1. Lixar a peça com a lixa 220. Remover o pó

2. Recortar em linha reta a parte arredondada do coador
3. Demarcar um lado da peça onde será colado o papel, deixando uma sobra de aproximadamente 1 cm
4. Aplicar cola com o pincel n°18
5. Colocar o pedaço de coador e pressionar bem com o pano macio para eliminar bolhas ou rugas
6. Colar da mesma forma outro pedaço sem sobrepor ao que já foi colado (bem junto da borda do outro). Apertar bem com o pano
7. Sucessivamente colar cada pedaço sempre acertando as emendas sem sobrepor formando desenhos assimétricos imitando o retalhado do couro, ate cobrir toda superfície de cada lateral da peça. Secar bem
8. Aparar as sombras do papel com tesoura ou estilete
9. Aplicar termolina sobre toda peça para impermeabilizar o coador. Secar
10. Nas junções (emenda), com a caneta permanente fazer pontos de cada lado da emenda imitando os furos por onde será feita a costura
11. Com o palito de manicure e a tinta branca, efetuar a imitação costura. Secar
12. Cortar tiras de papelão (largura de uma régua). Colar duas a três tiras sobrepondo-as. Em seguida, revesti-las com coador de café e cola branca. Secar bem. Aplicar termolina com o pincel. Secar
13. Com cola aplicada em uma face, colar sobre dois lados da peça simulando cinto. Prender com fita crepe para colar. Secar. Retira a fita crepe
14. Com o pincel chanfrado e a tinta marrom, sombrear dos lados do “cinto” e nas bordas do mesmo
15. Com a caneta preta, marcar pontos pares nas duas bordas
16. Unir os pontos dois a dois com a tinta branca e utilizando o palito de manicure
17. Proteger com a fita crepe o trabalho e com o pincel e tinta cor chocolate pintar as bordas da peça. (se necessário após a 1ª demão lixar levemente e aplicar outra demão.)
18. Aplicar verniz acrílico com rolinho de espuma (2 demãos com intervalo de secagem) ou, se preferir, utilizar o verniz spray
19. Aplicar a alça e o fecho
20. Efetuar o acabamento interno pintando com a cor chocolate e aplicar verniz ou revestir com cortiça.
Carlos Saad - artesão

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Pote de balas em formato de palhaço

MATERIAL:
- Pote de balas pequeno

- bola de isopor de 3,5 cm
- cola branca
- cola quente
- tintas a óleo nas cores: amarela médio, ultramar claro, laranja, rosa, violeta, vermelha escuro, verde inglês, branca de titânio
- tinta plástica: branca e preta
- tinta para tecido cor pêssego
- pincel 000
- rolo
- tesoura
- jogo de estecas e boleadores
- extrusora
- pinta bolinha
- caneta para tecido azul claro e escuro
- canecalon amarelo
- caneta gel preta
- régua
MODO DE FAZER:
Faça uma bolinha de massa pêssego um pouco maior que a bolinha de isopor e forre afundando a bolinha na massa, puxe a massa para cima, fechando para não entrar ar.

Deixe com formato de pêra, tire o excesso de massa, alise com as mãos, marque a área dos olhos, puxe a massa para baixo para formar o pescoço e alise, marque a boca com a esteca e puxe para baixo com o boleador.
Corte o excesso de massa do pescoço, deixe secar de um dia para o outro.
Para o nariz cole uma bolinha vermelha.
Pinte os olhos com caneta azul clara fazendo um circulo, com a caneta azul escura faça outra bolinha menor, tire o excesso com a caneta azul clara fazendo movimento circular, pinte a pupila com tinta plástica preta, o brilho dos olhos com a tinta branca.
Faça a sobrancelha e os cílios com caneta gel ou pincel.
Com a massa rosa forre a tampa deixe sobra de massa para dentro, após 3 horas corte o excesso.
Com a massa azul forre o vidro deixando a parte da frente sem forrar.
Faça uma tira verde e faça pregas para formar o babado, cole abaixo da boca do vidro.
Com a massa laranja faça dois rolinhos para formar o braço abra a boca da manga e cole a mão.
Para a mão faça uma coxinha branca e corte um v tire o excesso de massa e marque os dedos com a esteca.
Para os sapatos faça uma coxinha de massa violeta achate um pouco e cole no vidro.
Faça 3 tiras com a extrusora e enrole uma na outra e cole na frente do vidro.
Cole a cabeça na tampa e faça um circulo violeta par a aba do chapéu, faça uma coxinha abrindo com os dedos uma das pontas cole na aba.
Para o cabelo enrole o canecalon 20 vezes entre os dedos formando chumaços e cole com cola quente preenchendo a frente.
Para a gravata faça um rolinho amarelo rolando o dedo ao meio, marque com a esteca.
Para acabamento faça corações e bolinhas em toda a volta do vidro.
Cleide Fernandes - artesã

Chaveiro da sorte


MATERIAL:
- 0,5m de fio encerado vermelho.

- pom pom ou rabicho vermelho.
- pedras de murano vermelhas.
- entremeios níquel (cor de prata).
- 1 argola níquel.
- 1 caneca níquel.
- 1 mosquetão níquel.
- 2 muranos pequenos vermelhos (pitanga) para o arremate
- 4 entremeios de pulseiras (se necessário)
- régua
- tesoura
MODO DE FAZER:
Pegue o fio encerado e passe a argolinha do pom pom por ele.

Junte os fios em cima.
Coloque um entremeio com os dois fios juntos.
Em seguida coloque o murano da mesma forma que o entremeio.
Depois outro murano e outro entremeio e assim até colocar as três peças de cada.
Após essa etapa pegue a canequinha e passe um fio por ela e dê dois nós bem apertados.
(a canequinha tem dois buraquinhos, um pequeno e um maior. Passe o fio pelo pequeno).
No buraquinho maior da caneca, coloque a argola (abra um pouco com a unha) e o mosquetão.
Sobrarão dois fios, um de cada lado do chaveiro.
Dê um nó na metade do fio e passe o murano pequeno (pitanga) e dê outro nó de forma que os nós segurem a pitanga.
Faça o mesmo do outro lado.
Corte o que sobrou dos fios e boa sorte, seu chaveiro está pronto.
Preço de custo: aproximadamente R$ 10,00
Preço de venda: R$ 20,00
Jussara Clonnese - artesã